Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SIMplex

SIMplex

07
Ago09

PPzices

Rogério Costa Pereira

Rui Castro, co-autor do blogue que apoia o PP (o CDS já se foi há muito), partido que luta pela sobrevivência - tentando ser co-autor do próximo Governo -, diz que "Não vale sequer a pena - pelo menos, para já - explicar[-me] que o CITIUS, apesar de potencialmente constituir uma óptima ferramenta de trabalho para todos os que trabalham na Justiça, tem debilidades e riscos graves que importa minimizar." Concordo com o Rui, o CITIUS tem mesmo debilidades. É rasgá-lo, pois então. Começar do zero! Reset. Isso de corrigir, emendar, adequar (trata-se de um programa informático) é que não. Mesmo, "Apesar de potencialmente constituir uma óptima ferramenta de trabalho para todos os que trabalham na Justiça", avancem as suspensões, os estudos, as comissões de inquérito (se parlamentares ainda melhor).

Next.

Quanto ao "falhanço da reforma da acção executiva e da lei do arrendamento, a desadequação de regimes legais - como por exemplo o da insolvência" custa-me a crer que o Rui queira mesmo falar disso, mas tudo bem, um dia destes não me importo de dar a minha opinião, temos é que começar pelo princípio - pelos Decretos-Leis 53/2004, de 18 de Março de 2004, e 38/2003, de 8 de Março de 2004, e pela relevância dos mesmos nas ditas reformas (com excepção da do arrendamento - tema que merece outro destaque).

Entretanto, Rui, aproveite e fale-me lá das propostas do seu PP para a justiça. Teria muito gosto em discuti-las (andei agora à procura do programa de governo do PP e - falha minha, por certo -, não dei com ele).

 

PS (pardon my french) - Caramba, Rui, desculpe, só agora reparei que "o CDS ainda não apresentou o seu programa de Governo, razão pela qual [o Rui não pode] defender propostas que não são ainda conhecidas."  Não duvido que logo que forem conhecidas - o país aguarda o tempo que for preciso-, o Rui defendê-las-á com unhas e dentes. Já eu estou mais à vontade, que não me resumo a "segundo os socialistas" - nem eles aos meus posts.

4 comentários

Comentar post