Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SIMplex

SIMplex

01
Ago09

Perdoa-me (versão "feira popular")

Rogério Costa Pereira

Afinal, e segundo a própria, não terá sido José Sócrates a convidar Joana Amaral Dias (e eu que tinha ficado com  a ideia - é do cansaço! - que Louçã tinha dito/insinuado isso). Fazendo fé no que disse a Joana, o "convite" partiu de alguém com quem só tinha falado uma vez. Curiosamente, esse alguém não era nenhuma das três pessoas com poder para tal - refiro-me à autorização para convidar independentes ou não militantes. Terá sido uma mera sondagem por conta própria? Talvez, mesmo porque se a Joana "interessasse" (coisa, aliás, normal em democracia), o convite chegaria por outras vias (a não ser que Sócrates tivesse ensandecido e, via Paulo Campos, se atirasse de cabeça). À Joana nada disso interessa, o que faz fé em juízo (no dela) é que o PS está a tentar laçar à esquerda. E ela, convidada que foi - ninguém duvide! -, com a mesma coragem que apoiou Soares, recusou Sócrates. A gente aplaude e delicia-se com o "perdoa-me" em directo. Só faltou o "ofendido", naquele seu tom definitivo, vir perdoar em directo a pupila desavinda. O moral da estorieta é demasiado óbvio: trata-se do Bloco na versão "feira popular" - e se esta coisa dá votos.

15 comentários

Comentar post