Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

SIMplex

SIMplex

16
Set09

AS NOITES QUE CANTAM

Eduardo Pitta

A direita anda nervosa. Melhor dito: a opinião pública de direita, se por tal considerarmos os comentadores encartados, os bloggers oficiosos e alguns profissionais de comunicação. Não deixa de surpreender. Se o país está no estado em que dizem, e a legislatura que agora finda foi o que pintam, não vejo a razão do nervosismo e do azedume. Caramba, só faltam onze dias para as noites que cantam (as manhãs já deram o que deram). Porquê o cepticismo?

 

No fundo, a direita não acredita na exequibilidade imediata do seu projecto. O PSD reedita o discurso da tanga em versão gás paralisante. No limite, propõe uma legislatura de decretos-lei, reduzindo o Parlamento a um berloque para UE ver. O CDS-PP ensaia um justicialismo de feira com eco provável em lares da terceira idade. Nada disto convence os jovens turcos que fazem a opinião pública da direita. Eles leram, estudaram, viajaram, compararam, teorizaram. No fundo, não se revêem na salvação que lhes prometem. Daí à melancolia é um passo. Em períodos de campanha, a melancolia tende ao rancor. Bem ou mal, sabem que é do outro lado que o mundo pula e avança.