Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SIMplex

SIMplex

26
Ago09

Erros do passado

Diogo Moreira

 

Tirando a parte da "criaturinha", que pode ser considerada de mau tom, até tens razão no teu argumento.

Enfim, os erros do passado assombram-nos sempre.

É da vida.

É claro que o juízo que fazemos sobre as pessoas é sempre o pesar dos seus erros, tanto no passado como os que tememos no futuro, com os bons actos que fizeram ou podem vir a fazer.

Se considerarmos que uma pessoa fica inequivocamente marcada pelo que fez no passado, ou porventura por não ter assumido no presente esse erro, então nada mais há para dizer.

 

Eu, pela minha parte, nunca esperei que os líderes fossem pessoas perfeitas, sem erros e sem vícios.

 

Gosto de julgá-los pelas suas políticas e pelas suas acções na política. Julgo também os seus partidos e as pessoas com que se rodeia politicamente. A sua vida privada ou profissional dá-me apenas indicação da sua ética e da sua moral. E isso, para mim, é relevante apenas em casos extremos.

 

Acho a história da “licenciatura por fax” ridícula? Claro que sim.

 

Acho que isso o desqualifica para ser Primeiro-Ministro e não poder falar sobre educação? Claro que não.

 
Adenda: Foi retirada uma frase do post que dava a impressão errónea que todos os membros deste blog concordavam com um dos argumentos deste post. Neste caso, como em todos os posts assinados individualmente, a opinião aqui expressa é exclusiva do seu autor.

 

4 comentários

Comentar post