Por Eduardo Graça | Terça-feira, 04 Agosto , 2009, 00:23

 

Quando o PS no seu programa de governo aborda, de forma estruturada, a questão da economia social está a valorizar politicamente uma vasta, e diversificada, rede de entidades que é reconhecida pelos cidadãos pela forma autónoma e persistente, quantas vezes altruísta, como desenvolve actividades em prol das comunidades, entidades das quais destaco as Cooperativas, Misericórdias, Mutualidades, Instituições Particulares de Solidariedade Social e Associações para o Desenvolvimento Local.   
 
A Economia Social representa, em grandes números, 10% do conjunto das empresas europeias, abarca um universo de 2 milhões de entidades, representa 6% do emprego total, sendo consensual o reconhecimento do seu elevado potencial para gerar, e manter, empregos estáveis já que, pela sua própria natureza, as entidades que integram essa vasta e complexa rede não são susceptíveis de serem deslocalizadas.  
 
O Parlamento Europeu adoptou, em 19 de Fevereiro passado, uma Resolução na qual reconhece, pela primeira vez, a Economia Social como potencial parceiro social: “considera que as componentes da economia social deveriam ser reconhecidas no diálogo social intersectorial da UE e sugere que tanto a Comissão como os Estados Membros apoiem energicamente o processo de inclusão dos actores da economia social na concertação social e no diálogo civil.” 
 
As medidas concretas, anunciadas no programa de governo do PS, que transcreverei num próximo post, preconizando o reforço das parcerias entre o Estado e as organizações de economia social são uma das respostas mais promissoras aos desafios da crise da economia de mercado que o próprio Parlamento Europeu, de forma veemente, recomenda.
tags:

Protocolos
comentários recentes
Ainda bem que procurei por ti na internet em geral...
A discussão sobre pagar a saúde de acordo com os r...
Espero que o José Sócrates faça um bom trabalho..
Boa tarde, gostava da vossa opinião.hoje dirigi-me...
EsclarecimentoA notícia é apenas sobre uma propost...
Venho por este meio relatar-vos uma situação que c...
Sou nova nestas andanças, da net (não em anos-57) ...
Obrigada pelos textos que nos deram a ler, a refle...
Estou de acordo com a ideia lançado por vocês impo...
Simplex , simplesmente. convido-os a visitarem o m...
já agora gostaria que observem uma iniciativa empr...
Estava a gostar deste blog...
Uma escrita muito pobre, na generalidade dos casos...
Estou numa dúvida: a oposição não foi eleita para ...
Posts mais comentados
88 comentários
50 comentários
44 comentários
43 comentários
38 comentários
36 comentários
27 comentários
25 comentários
arquivos
pesquisar neste blog
 

As imagens criadas pelo autor João Coisas apenas poderão ser utilizadas em blogues sem objectivo comercial, e desde que citada a respectiva origem.