Por João Paulo Pedrosa | Sexta-feira, 18 Setembro , 2009, 23:24

Acabei de ouvir a drª Ferreira Leite afirmar na sic-notícias que há medo na democracia portuguesa porque um director geral perdoou multas a determinadas pessoas por serem do PS (sic).

Referia-se a esta notícia, na qual é citado o facto da GNR pretender aplicar a lei da publicidade aos carros de campanha eleitoral e esta não se aplicar às campanhas partidárias como, aliás, milhares de candidaturas autárquicas que usam estes meios de comunicação há muito sabem.

Com franqueza é muito penoso ver que, em desespero de causa, a drª Ferreira Leite entra por este caminho. Há formas mais dignas de acabar.

 


João Manuel Vicente a 19 de Setembro de 2009 às 02:54
Por mim, que se aplique aqui a teoria da vacina, que se beba o veneno até ao fim.

Oxalá esta patética Sr.ª e o seu mentor/guru, igualmente patético mas mais sinistro e perigoso porque no topo do Estado, lancem mão até 27 SET de todos os expediente e truques sujos para ver se por fim e finalmente me vejo livre de todo este lixo tóxico que colonizou o PSD após Mota Pinto e que, claro, deslustra o verdadeiro grande partido que ele de facto é (foi).

Zé dos Montes a 19 de Setembro de 2009 às 13:52
“...A justificação apresentada pelas autoridades foi o facto de as viaturas estarem revestidas com películas aderentes, sobretudo nos vidros...”
“...A polícia estava a aplicar a lei da publicidade, que não se aplica aos partidos políticos. As viaturas das caravanas estão, ao contrário, enquadradas na lei das campanhas eleitorais...”
A policia não estava a aplicar a “lei da publicidade” mas sim o Decreto-Lei n.º 392/2007 que regula a aplicação de películas nos vidros e aplica-se a todos os veículos motorizados (quer sejam viaturas de caravanas, veículos publicitários, particulares), trata-se de uma questão de segurança.
Se o PS não foi multado de acordo com a lei, é necessário que o caso seja esclarecido, a lei é para todos e ninguém pode estar acima da lei.

Pedro André Cerqueira a 19 de Setembro de 2009 às 14:38
Se um daqueles carros, hipoteticamente se despistar e matar um cidadão, uma vez que o seguro não se vai responsabilizar devido às alterações não inspeccionadas no carro, gostava de saber quem é que se responsabiliza? O condutor? O PS? A firma que alugou os carros?
Já agora, se os carros não estão legais, então oseguro não é válido. Todos esses carros estão a circular sem seguro (por isso é que foram apreendidos)
E não, não é uma pergunta demagógica, é que acidentes poderem acontecer, logo agora que começou a chover...

Protocolos
comentários recentes
Ainda bem que procurei por ti na internet em geral...
A discussão sobre pagar a saúde de acordo com os r...
Espero que o José Sócrates faça um bom trabalho..
Boa tarde, gostava da vossa opinião.hoje dirigi-me...
EsclarecimentoA notícia é apenas sobre uma propost...
Venho por este meio relatar-vos uma situação que c...
Sou nova nestas andanças, da net (não em anos-57) ...
Obrigada pelos textos que nos deram a ler, a refle...
Estou de acordo com a ideia lançado por vocês impo...
Simplex , simplesmente. convido-os a visitarem o m...
já agora gostaria que observem uma iniciativa empr...
Estava a gostar deste blog...
Uma escrita muito pobre, na generalidade dos casos...
Estou numa dúvida: a oposição não foi eleita para ...
Posts mais comentados
88 comentários
50 comentários
44 comentários
43 comentários
38 comentários
36 comentários
27 comentários
25 comentários
arquivos
pesquisar neste blog
 

As imagens criadas pelo autor João Coisas apenas poderão ser utilizadas em blogues sem objectivo comercial, e desde que citada a respectiva origem.