Por Bruno Reis | Sexta-feira, 04 Setembro , 2009, 16:06

Se houve pressão política sobre a TVI para afastar Manuela Moura Guedes ela é intolerável. Mas não menos intolerável é fazer acusações desse tipo sem provas.

 

Mas talvez o João Caetano Dias que tem tão boa memória me possa fazer o favor de recordar do seguinte: quando Marcelo Rebeldo de Sousa foi afastado da TVI alegando pressões nunca cabalmente desmentidas qual foi a reacção da Direcção de Informação da TVI? Demitiu-se alegando pressão política intolerável? Ou permaneceu em funções? Será que a pressão do PSD é tolerável, quiçá até agradável?

 

Sócrates pode ser muitas coisas, mas burro não me parece que seja algo de que mesmo os seus piores inimigos o acusam (pelo contrário aparece como um maquiavélico príncepe). Se quisesse afastar MMG a última coisa que devia ter feito era aparecer publicamente a denunciar o seu programa. Já MMG se queria garantir que nunca seria afastada do ar teria apenas de assumir uma agenda anti-PS que tornaria o fim do seu programa uma bomba política.

 

MMG não pode ser alvo de censura, mas pode ser censurada (no sentido de criticada). O seu Jornal da Noite era segundo as palavras da próprio um programa que assumiu como missão criticar sistematicamente o governo PS (e não acrescentou todos os partidos e todas as instituições de Portugal). Em qualquer país democrático normal, com uma saudável tradição de rigor jornalístico, isso seria suficiente para acabar com um programa que disfarçado de informação fazia opinião política completamente parcial. O jornalismo não deve ser nem a favor, nem contra ninguém. Deve informar criticamente sobre tudo e sobre todos. Este oposicionismo pueril de quem nunca se levantou contra a Censura no tempo do Estado Novo (onde estava então Manuela Ferreira Leite?) é um das heranças do tempo da ditadura que mais tempo demorou a passar.

 

Solução? Que a TVI passe a dar a MMG espaço para um programa de comentário político assumido. Ou seja, chame os bois ou as vacas (em sentido figurado) pelos nomes.


Luís Vaz a 4 de Setembro de 2009 às 16:40
Concordo integralmente com o que foi dito. acrescento apenas mais esta reflexão: O PS "teve" na presidência do CA da Mediacapital um destacado miltante - o Dr. Joaquim Pina Moura. À luz do argumentário vigente na direita, não teria sido esta uma oportunidade de ouro de interferir na definição dos conteúdos dos noticiários da TVI? Será razoável imaginar que a 3 semanas das eleições, tivessem utilizado a via espanhola para mexer no Jornal de 6ª? Está tudo a alucinar!

Rui Costa a 4 de Setembro de 2009 às 19:37
Sabe o que mais me irrita no meio disto tudo? Tal como disse aqui (http://costarochosa.blogspot.com/2009/09/jornal-nacional-mais-sensacionalismo.html), é o facto de, apesar de terem cancelado o Jornal Nacional, o sensacionalismo e as novelas continuam! Mas desta vez com a classe politica e mesmo os analistas políticos como argumentistas.

É muito preocupante quando elementos de relevo nos maiores partidos nacionais decidem acusar alguém de algo tão grave como censura sem fazer ideia do que se passou. Não respeitar o direito à inocência é tão ou mais grave em democracia como a censura.

Protocolos
comentários recentes
Ainda bem que procurei por ti na internet em geral...
A discussão sobre pagar a saúde de acordo com os r...
Espero que o José Sócrates faça um bom trabalho..
Boa tarde, gostava da vossa opinião.hoje dirigi-me...
EsclarecimentoA notícia é apenas sobre uma propost...
Venho por este meio relatar-vos uma situação que c...
Sou nova nestas andanças, da net (não em anos-57) ...
Obrigada pelos textos que nos deram a ler, a refle...
Estou de acordo com a ideia lançado por vocês impo...
Simplex , simplesmente. convido-os a visitarem o m...
já agora gostaria que observem uma iniciativa empr...
Estava a gostar deste blog...
Uma escrita muito pobre, na generalidade dos casos...
Estou numa dúvida: a oposição não foi eleita para ...
Posts mais comentados
88 comentários
50 comentários
44 comentários
43 comentários
38 comentários
36 comentários
27 comentários
25 comentários
arquivos
pesquisar neste blog
 

As imagens criadas pelo autor João Coisas apenas poderão ser utilizadas em blogues sem objectivo comercial, e desde que citada a respectiva origem.