Por Miguel Abrantes | Quinta-feira, 27 Agosto , 2009, 15:48

Estão a ver quem é Paulo Marcelo, aquele vogal da comissão política do PSD? Escreve hoje um post laudatório sobre o programa eleitoral do PSD. Mas fica-se com a sensação de que este vogal que serve o partido no Jamais ainda não conhece o programa no dia da sua apresentação. Mas não me passaria pela cabeça maçar os leitores por este detalhe. A razão deste post é outra. É que, para além dos deslizes da Dr.ª Manuela, é através de figuras como Paulo Marcelo (ou António Borges) que a gente fica a saber que o PSD tem um programa escondido, que não será levado a votos no dia 27. Veja-se o que escreve Paulo Marcelo: "o programa eleitoral se pode mesmo vir a transformar, versão revista e aumentada, num programa de governo." Então, um partido que deseja alçar-se ao poder apresenta-se a eleições com um programa que não será o seu programa de Governo? Espera pelos resultados eleitorais para, só então, à sorrelfa dar a conhecer as medidas que quer adoptar para desmantelar o Estado Social?


Zé dos Montes a 27 de Agosto de 2009 às 16:19
"...as medidas que quer adoptar para desmantelar o Estado Social?"
Está-se a referir ao aumento da idade de reforma? À mudança da forma de cálculo das pensões, que levou à maior baixa do valor das pensões dentro dos paises da OCDE? À introdução das taxas moderadoras nos internamentos e cirurgias? Ao encerramento de urgências sem criar alternativas? Ao fazer com que portugueses nasçam em Espanha?
E ainda havia mais. Não se lembrem da esquerda e do "estado social" só antes das eleições...

Nuno a 27 de Agosto de 2009 às 17:24
Essas e outras medidas visam a sobrevivência do estado social e do SNS, não compreender isto é grave ou é demagogia!

José António Abreu a 27 de Agosto de 2009 às 16:23
Sim, porque é habitual que um programa de governo seja uma versão não-revista e até reduzida do programa eleitoral... Por Toutatis, será que análises semânticas são o melhor que conseguem arranjar?

Joaquim Amado Lopes a 27 de Agosto de 2009 às 18:26
Miguel,
Se quer mesmo ajudar o PS a ganhar as legislativas, deixe de escrever posts.
Por mim, continue a escrevê-los. Se houver pessoas suficientes a lê-los, acabam a analisar realmente a diferença entre o discurso e a prática do PS e o PSD é mesmo capaz de ganhar com maioria absoluta.

O país agradece.

John a 27 de Agosto de 2009 às 18:38
Muito bem! Aí está um post brilhante!

Obrigado Miguel Abrantes por esta pérola para o debate político! Realmente demonstra muito conteúdo e profundidade de análise!

Obrigado.


Protocolos
comentários recentes
Ainda bem que procurei por ti na internet em geral...
A discussão sobre pagar a saúde de acordo com os r...
Espero que o José Sócrates faça um bom trabalho..
Boa tarde, gostava da vossa opinião.hoje dirigi-me...
EsclarecimentoA notícia é apenas sobre uma propost...
Venho por este meio relatar-vos uma situação que c...
Sou nova nestas andanças, da net (não em anos-57) ...
Obrigada pelos textos que nos deram a ler, a refle...
Estou de acordo com a ideia lançado por vocês impo...
Simplex , simplesmente. convido-os a visitarem o m...
já agora gostaria que observem uma iniciativa empr...
Estava a gostar deste blog...
Uma escrita muito pobre, na generalidade dos casos...
Estou numa dúvida: a oposição não foi eleita para ...
Posts mais comentados
88 comentários
50 comentários
44 comentários
43 comentários
38 comentários
36 comentários
27 comentários
25 comentários
arquivos
pesquisar neste blog
 

As imagens criadas pelo autor João Coisas apenas poderão ser utilizadas em blogues sem objectivo comercial, e desde que citada a respectiva origem.